Seguidores

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Crianças que convivem com animais de estimação são mais resistentes a infecções respiratórias


Crianças que convivem com animais de estimação são mais resistentes a infecções respiratórias
Mais uma prova de que os cães – e agora os gatos – são os melhores amigos do homem. Pesquisadores da Universidade da Finlândia Oriental, na Finlândia, concluíram que crianças que convivem com animais de estimação são mais saudáveis e apresentam menos problemas de infecção respiratória no primeiro ano de vida do que aquelas que não têm contato com os animais. A pesquisa foi publicada da revista americana Pedriatrics.
A equipe acompanhou o primeiro ano de vida de 397 crianças e concluiu que existem alguns fatores indicativos na redução da incidência de problemas respiratórios, embora nessa idade seja comum o aparecimento deste tipo de doenças.
De acordo com os especialistas, o contato com cães e gatos é benéfico principalmente em relação às infecções de ouvido e a diminuição da quantidade de antibióticos dados aos bebês. Isso porque a convivência, seja ela diária ou com certa frequência, interfere no amadurecimento do sistema imunológico da criança que, exposta a germes na quantidade certa, acaba tendo o fortalecimento do sistema de defesa.
Pesquisadores reforçam ainda que a tal exposição é em relação aos microorganismos ‘do bem’, aqueles responsáveis pela alteração dos micróbios que vivem nos intestino da criança, que fazem com que elas fiquem protegidas de alergias e infecções.
FONTE: hnewspressrelease.wordpress.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recent Visitors